Produtores de União do Sul conhecem unidade demonstrativa do Programa Nosso Leite em Sorriso

O Sebrae promoveu na última segunda-feira, 22/10 um Dia de Campo do programa “Nosso Leite” na propriedade do produtor Pedro Abraão no Assentamento Jonas Pinheiro. O sitio Ebenezer funciona como uma unidade demonstrativa do projeto e recebeu a visita de produtores do município de União do Sul que estão aderindo ao programa esse ano. Essa é uma das primeiras ações que são feitas dentro do projeto, levar os produtores interessados para conhecerem uma experiência que esteja dando certo, na qual já existe um produtor há mais tempo no projeto e que venha apresentando bons resultados para mostrar. O foco do programa é trabalhar em intensificação de áreas de pastagem para que o produtor consiga otimizar sua produção, aumentar sua lucratividade com atividade leiteira em pequenas áreas, trabalhando com tecnologia e informação, que é isso que o técnico faz mensalmente no atendimento dele.

O trabalho começa identificando a área que o produtor vai intensificar, depois se faz a análise do solo, a correção e a adubação, quando há necessidade, além de passar orientações para o produtor em relação ao manejo dos animais e também da pastagem que vai ser disponibilizada. Na área de gestão da propriedade, cada produtor que participa do programa recebe um caderno onde ele anota as informações zootécnicas e econômicas. Ou seja, a parição dos animais, a cobertura, a produção leiteira e também a comercialização dos produtos de origem do leite, como queijo, ou leite in natura. É uma forma de fazer o acompanhamento e de monitorar essa propriedade se está tendo lucro ou não com a atividade leiteira.

O programa “Nosso Leite” também está sendo implantado no município de União do Sul pelo SEBRAE. Lá o programa teve início no mês de setembro e já no segundo mês do programa, 10 produtores estão iniciando o trabalho. O Sebrae em parceria com a prefeitura de União do Sul, articulou uma visita técnica ao município de Sorriso. Seu Pedro Abraão já está participando há cerca de 3 a 4 anos do projeto e já apresenta resultados positivos. Ele já conseguiu aumentar sua produção. Quando entrou no projeto, sua propriedade tinha uma média de produção de 100 litros e agora chega a alcançar quase 500 litros de produção.  “Quando um produtor fala para outro produtor que é possível, que ele consegue, que em um hectare você pode colocar 24 piquetes e intensificar a pastagem para até 10 animais, ele passa muito mais credibilidade confiabilidade e facilita o trabalho do técnico que está atendendo o produtor. Porque muitas vezes o técnico comenta com o produtor e ele acaba até duvidando que é possível chegar a esses números em uma área tão pequena.”, afirmou o gerente regional do Sebrae Volmir Contreira.

Volmir falou sobre os planejamentos para o ano que vem: “Já começamos a traçar um planejamento das ações para 2019.  Temos essa parceria não só no Nosso Leite mas também no projeto Agroecologia que é uma parceria Sebrae CAT e Prefeitura Municipal. Já começamos os primeiros contatos para renovação dessas parcerias para o ano que vem para continuar os atendimento e quem sabe havendo demanda e interesse possamos ampliar esse número de atendimentos tanto dentro da cadeia produtiva do leite como do programa de Agroecologia”, finalizou Volmir.

O projeto “Nosso Leite” é desenvolvido pelo Clube Amigos da Terra – CAT Sorriso, em parceria com a Prefeitura Municipal, com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE-MT). E conta com o apoio da WWF Brasil.

Produtores interessados em participar do programa Nosso Leite, que é oferecido ao produtor gratuitamente, devem procurar o CAT, Sorriso, em sala anexa ao Sindicato Rural, o Sebrae ou a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Sorriso, para realizar a inscrição e receber a visita do técnico.

Informações também podem ser obtidas no telefone (66) 3544-3379.

Rolar para cima
×
%d blogueiros gostam disto: